Novos tratamentos para câncer de próstata

Novos tratamentos para câncer de próstata

Desenvolvimentos recentes na pesquisa do câncer de próstata abriram o caminho para futuros tratamentos.

Novas opções, incluindo o uso de ultrassons, hormônios, vacinas e outras substâncias, ofereceram alguma esperança e conforto a muitas pessoas com câncer de próstata. Aqui estão algumas das mais recentes técnicas de tratamento criativo.

Ultra-som concentrado em alta intensidade

Neste tratamento para o câncer de próstata em estágio inicial, os feixes de ultra-som focalizados de alta intensidade aquecem as células cancerosas para destruí-las. Esta nova técnica já está disponível na Europa, e ensaios clínicos desta técnica (HIFU) estão em andamento na América do Norte.

Tente vacinas em vez de prevenção

Vacinas são frequentemente consideradas uma medida preventiva. No entanto, ensaios clínicos estão examinando novas vacinas que aumentam a resposta imune do corpo humano às células cancerosas da próstata. O PROSTVAC-VF usa um vírus geneticamente modificado que abriga um antígeno específico da próstata, ou PSA. Os pesquisadores esperam que a vacina permita que o sistema imunológico identifique e destrua melhor as células cancerígenas que contêm PSA. Os primeiros resultados do teste são positivos o suficiente para encorajar mais pesquisas.

Explore terapias direcionadas

Para tratar várias formas de câncer, os médicos usam substâncias que visam seletivamente as células cancerígenas enquanto poupam as células normais. Essas terapias direcionadas podem inibir a capacidade de uma célula cancerosa de se dividir, crescer ou se curar, concentrando-se exclusivamente no que faz com que elas atuem e se reproduzam de maneira diferente das células normais.

Por exemplo, o medicamento de quimioterapia cabozantinib – também conhecido como Cometriq – tem sido capaz de reduzir ou eliminar tumores ósseos em homens com câncer de próstata para quem os tratamentos hormonais tradicionais não funcionam mais. Este efeito positivo durou até seis meses durante os primeiros estudos.

Aprenda sobre o progresso da terapia hormonal

Quando formas antigas de terapia hormonal perdem sua eficácia, os médicos precisam usar novas terapias hormonais. Por exemplo, o orteronel pode ter como alvo inibidores do CYP17 com maior precisão do que um medicamento hormonal já em uso: abiraterona ou Zytiga.

Experimentos com inibidores da angiogênese

Outra abordagem promissora no tratamento do câncer de próstata inibe a capacidade dos cânceres de desenvolver novos vasos sanguíneos necessários ao seu crescimento, um processo conhecido como angiogênese. Se esse processo de crescimento de novos vasos sanguíneos for inibido, os médicos podem parar ou retardar a disseminação de alguns tipos agressivos de câncer de próstata. Durante os primeiros ensaios, as drogas antiangiogênicas foram associadas a efeitos colaterais significativos, como coágulos sanguíneos e danos nos nervos. O tratamento, portanto, requer mais estudos.

Os protocolos individuais de tratamento variam de acordo com a progressão do câncer de próstata no momento do diagnóstico. Além disso, alguns médicos podem favorecer alguns tratamentos em detrimento de outros. As pessoas diagnosticadas com câncer de próstata devem manter-se atualizadas sobre as opções de tratamento mais recentes enquanto consultam seu médico sobre suas opções.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *